3 de fev de 2011

27 de set de 2009

Em um momento você simplesmente descobre que tudo está acabando. Que o seu tempo ao lado daquela pessoa vai passar e logo você se encontrará sozinha novamente. Infelizmente nenhum amor é eterno, ou melhor, todo amor é eterno, o estar junto que acaba. Em algum momento ele tem que partir, e não lhe restará outra escolha a não ser simplesmente deixa-lo ir, liberta-lo, pois o amor também significa libertar.

E não adianta fazer nada para segura-lo, pois se o fizer só vai conseguir manter uma pessoa infeliz ao seu lado, uma pessoa que vai esquecer o que significa sorrir. Você será cruel consigo mesmo, pois você irá tentar fazê-lo rir, contando piadinhas, contando casos e ele irá só dar aquele sorriso amarelo, demonstrando sua insatisfação, pois o seu desejo não é estar mais ali. Mas ele demonstra que de alguma forma ainda existe amor em seu coração, pois não quer vê-la sofrer e por isso permanece ao seu lado, te esperando cair na realidade, descobrir que não dá mais, pois sabe que ao partir irá feri-la ele também será ferido ao ver suas lágrimas de tristeza.

Então, tendo consciencia do sofrimento, mesmo sabendo que será doloroso, você irá soltar as redeas, libertar seu amor, deixa-lo livre para ser feliz, seguir o seu caminho, não vai ser ao seu lado, mas ele irá continuar te amando, e agora mais ainda, quando você prova que não é tão egoista, ao ponto de prende-lo ao seu lado.

E um dia você descobrirá a felicidade, um dia você irá encontrar um novo amor, aquele antigo não irá esquecer e não deixará de amá-lo, dificil esquecer um amor, principalmente quando ele se foi quando ainda restava um pouco de amor em seu coração, mas irá trazer no seu coração as lembranças de momentos alegres que tiveram juntos, a lembrança daquele olhar tristonho, mas do sorriso que estava em seu rosto ao partir. A lembrança daquele que lhe dava colo quando a dor invadia seu coração, daquele que velava o seu sono. Irá compreender que aquela partida era necessaria para ele, assim como em algum momento você sentirá a necessidade de partir. Todo amor precisa ser livre para partir e voltar no momento em que acreditar estar pronto para estar junto de alguém novamente.

22 de jul de 2009

Olá!!!

Galera estou até envergonhada por causa do tempo q não passo aqui, mas hj vim me despedir. Estou inativando o blog por tempo indeterminado, ou seja, pode ser q um dia eu volte. Meus amigos e eu estou agora em um novo projeto e quase todo tempo livre que tenho vou dedicar a esse projeto. É uma revista eletrônica de comunicação, entrenimento e mais algumas coisas. Se vc quiserem me acompanhar basta acessar o www.pontocriacao.com.br e se desejar receber atualizações da revista basta cadastrar no site. Quero agradecer a todos que me acompanharam até aqui e pedir para que torçam por mim nessa revista. E se não for pedir d+, peço que me ajudem a divulgar o site, pois isso é mto importante para mim.

Se desejarem entrar em contato comigo basta me add no msn, orkut, twitter, e enviar e-mails... Vou deixar tudo aqui no final do post.

Foi bom enquanto durou!!!!
Bjos

Msn: ttlalva@gmail.com
twitter: http://twitter.com/thatalucas1
e-mail: thalitalucas2003@yahoo.com.br ou thalita@pontocriacao.com.br

22 de jun de 2009

Desculpas

Olá queridos!!!

Como sempre sumi e nem dei noticias, mas tenho explicações.
Primeiro comecei a trabalhar e acabei parando de trabalhar. Final de semestre, e ainda por cima começar a ralar, não deu nada certo. Meu tempo ficou hiper curto.
Segundo, arrumei outro emprego, só q nesse é meio horario, por enquanto estou apenas fazendo treinamento, mas a vaga é 50% minha, agora vou ter q correr atrás dos outros 50.
Terceiro, peguei especial em uma matéria e por dois pontos estou retida, massss estou na correria para conseguir passar.

Em breve retorno.
Bjos

7 de mai de 2009

Selos

Olá!!!

Nossa essa semana é que mais tenho atualizado.


Recebi dois selos então o post vai ser sobre eles.



-Selo 1.

Regras deste selo:

Esse é o Troféu do Amigo! Esses blogs são extremamente charmosos. Esses blogueiros têm o objetivo de se achar e serem amigos. Eles não estão interessados em se auto promover. Nossa esperança é que quando os laços desse troféu são cortados ainda mais amizades sejam propagadas. Entregue esse troféu para oito blogueiros(as) que devem escolher oito outros blogueiros(as) e incluir esse texto junto com seu troféu!!!

Repasso para os blogs:

1. Conversa com meus botões

2. Detesto Estudar

3. Dear Diary...

4. Gustavo Chagas

5. Viva

6. The scene is my

7. Mistura Maluca

8. One Day

-Selo 2.

Regras:

1 - O premiado deverá expor o selo no seu blog e atribuí-lo a 7 outros blogs que considere merecedores.

1. Chicoteando

2. Detesto Estudar

3. Dear Diary...

4. Gustavo Chagas

5. Viva

6. The scene is my

7. Mistura Maluca

2 - O premiado deverá responder à seguinte pergunta: O que significa para si ser um Homo sapiens?

Ser um Homo sapiens para mim é ter o privilegio de poder amar, pensar e criar.

Quero agradecer à Marina Melow pelos selos, mto obrigada querida!

Vou aproveitar para divulgar um blog novo, mas ultra bacana do meu amigo Daniel. Acessem o Chicoteando.

Bjos

T+

6 de mai de 2009

A Mentira


"Eu correspondo aos seus sentimentos" - ela mentiu, tudo para poder dizer outra mentira, "Estou vivendo uma história de amor".

Iniciou assim um relacionamento baseado em uma mentira. Julia nunca havia estado apaixonada por João, mas ele estava e talvez esse fosse um bom motivo para iniciar o seu namoro, afinal, não estava apaixonada por ninguém e há muito tempo não sabia o significado da palavra amor.

O que Julia não sabia e esperava era que aquela mentira iria se tornar a maior verdade da sua vida. Aquele amor que não existia brotou em seu coração, e o amor que João já sentia só aumentou com o passar do tempo.

A verdade nunca chegou aos ouvidos de João, ele só sabia que o amor estava presente em seu relacionamento. Julia nunca desejou contar a verdade, pois o que importava é que ela havia aprendido a ama-lo.


Um dos motivos que nos leva a mentir é o desejo de que aquela mentira seja uma verdade nas nossas vidas. O simples desejo de ter uma vida que nunca nos pertenceu, ou a vontade de que algo acontceça nos leva a mentir. Se é certo ou errado eu não sei, mas o fato é que todos mentem.


Uma mentira contada 3 vezes se torna uma verdade. (Será?)


Para o Blorkutando


Ps.: Não sou a favor da mentira, mas o fato é que todos mentimos.

Selo Sorrir

Olá!!

Bem, não sei se vcs lembram mas eu ganhei um selo e não fiz o post dele, só o coloquei na lateral com os nomes das pessoas que eu iria indicar. Resolvi fazer o post pra deixar registrado.

Bjos





O meme funciona da seguinte forma:

1) O ganhador deve dizer sete coisas que o faça sorrir:

1. Amigos

2. Filmes

3. Livros

4. Familia

5. Uma boa musica

6. A turma de comunicação.

7. Chocolate.


2) Indicar sete blogs que o faça sorrir:









3. Informar aos blogs vencedores sobre o selo.

Mto obrigada a Lica pelo presente.http://licalow.blogspot.com/

2 de mai de 2009

Lista de Desejos

Olá meus caros!!

Hj não tem texto… Me passaram um meme então o post vai ser pra falar dele. (Um dia ainda crio um Meme desses). Gostaria de agradecer ao Gustavo pelo presente.
Bem vamos ao meme.

Lista dos Desejos

Regras:
1° Listar 8 desejos.
2° Repassar para 8 blogs.

1. Lista:
Forma em jornalismo.
Escrever um livro (já iniciei, mas não consigo terminar)
Aprender outro idioma
Montar uma banda
Aprender a tocar violão (já tentei e até hj nada)
Ir ao show do Third Day
Fazer uma viagem à Toscana
Aprender a cozinhar.

2. Bem como tem pouco tempo que voltei a blogosfera vou passar o meme para os oito primeiros blogueiros que comentarem nesse post.

Queridos, muito obrigada pela visita e pelos comentários. Bem, estou querendo me aproximar mais de você, mas o tempo tá sendo corrido, mas logo estou de volta com força total!
Bjos pra todos!!

23 de abr de 2009

“Bem como dizia o comandante, doer, dói sempre. Só não dói depois de morto, porque a vida toda é um doer.

O ruim é quando fica dormente. E também não tem dor que não se acalme – e as mais das vezes se apaga. Aquilo que te mata hoje amanhã estará esquecido, e eu não sei se isso está certo ou errado, porque o certo era lembrar. Então o bom, o feliz se apagar como o ruim, me parece injusto, porque o bom sempre acontece menos e o mau dez vezes mais. O verdadeiro seria que desbotasse o mau e o bom ficasse nas suas cores vivas, chamando alegria.

Pensei que ia contar com raiva no reviver das coisas, mas errei. Dor se gasta. E raiva também, e até ódio. Aliás também se gasta a alegria, eu já não disse?

Embora a gente se renove como todo mundo, tudo no mundo que não se repete jamais – pode parecer que é o mesmo mas são tudo outros, as folhas das plantas, os passarinhos, os peixes, as moscas.

Nada volta mais, nem sequer as ondas do mar voltam; a água é outra em cada onda, a água da maré alta se embebe na areia onde se filtra, e a outra onda que vem é água nova, caída das nuvens da chuva. E as folhas do ano passado amarelaram, se esfarinharam, viraram terra, e estas folhas de hoje também são novas, feitas de uma seiva nova, chupada do chão molhado por chuvas novas. E os passarinhos são outros também, filhos e netos daqueles que faziam ninho e cantavam no ano passado, e assim também os peixes, e os ratos da dispensa, e os pintos... tudo. Sem falar nas moscas, grilos e mosquitos. Tudo.”

Dôra, Doralina - Raquel de Queiroz - 1975

15 de abr de 2009

Libertando



Ele a beijou docemente e ela notou que era uma despedida. O seu amado estava partindo e isso era tudo que ela sabia. Ela era a única pessoa que poderia detê-lo, mas resolveu liberta-lo, dar a ele a liberdade que ela não tinha. Ela sabia que ele precisava encontrar em outros lugares aquilo que não encontrava ali, mesmo ela sendo o tudo dele. Ele precisava voar. Ele se foi, ela o permitiu ir.

No escuro os seus olhos buscavam incessantemente pelos os dele. Ela sabia e já estava cansada de saber que a luz só voltaria quando ele estivesse ao seu lado. E todos perguntavam a ela porque havia permitido que ele partisse, pois o brilho dos seus olhos era ele. A resposta que encontravam era “O deixei partir porque não queria ser egoísta ao prendê-lo aqui, pois me era conhecido o seu desejo de liberdade.” Mas todos sabiam que ele também havia sido egoísta ao pensar apenas em sua felicidade, ao deixar a amada sofrendo.

Ela tinha plena consciência que ele não pertencia aquele lugar, nem a lugar nenhum. Estava voando inultimente, mas as asas dele haviam acabado de sarar e ele precisava voar, precisava conhecer as alturas, ganhar e encantar o mundo. Enquanto ela sofria feito criança que liberta o canarinho amado.

O que a confortava era saber que o perdia para a liberdade e que um dia ele poderia se cansar de ser livre e retornaria para as prisões dela e a permitira fazê-lo feliz, como ela havia sempre desejado.

Thalita


_________________________________________________________

Gostaria de mandar alguns abraços, só para modificar um pouco a rotina de apenas postar.
Vou mandar um abraço para a Rafa, pro Daniel e para o Alex. Rafa e Daniel porque sempre tem me aturado na sala de aula, e vou falar uma coisa, me aturar não é fácil, mto obrigada pela amizade de vocês que é super especial, agradeço muito a Deus pela vida de vocês e por Ele me ter dado o privilegio de conhecê-los. Para o Alex pq ele tem me aturado o dia todo no msn.
E agora um abraço para os visitantes deste humilde blog, obrigada pela presença doce aqui.
Bjos pra todos!